Boa Pedida



A Produtora independente FOTOGRAMAS - Cultura e Mídia convida todos para conferir o lançamento do primeiro vídeo do Projeto Vernáculo "A gente se ri", que vai acontecer no Teatro de Cultura Popular dia 08/08, as 19h.

"A gente se ri" é um documentário de 17', com narrativa amarrada na própria fala dos personagens/ entrevistados, num total de 9, dos seis municípios que visitamos.

O projeto Vernáculo é uma série de seis vídeos documentários sobre a cultura popular do Rio Grande do Norte, promovido por Fotogramas Cultura e Mídia, tem o patrocínio do Banco do Nordeste, instituição que vem apoiando e incentivando a produção cultural da região.

O Vernáculo (dic. Próprio da região em que está) tem por desafio valorizar o folclore e as manifestações espontâneas de um povo que produz arte popular. A proposta é difundir as obras artísticas genuínas, numa linguagem contemporânea de arte visual: o vídeo documentário. Registrar e documentar o importante papel que a arte tem de estimular o saber democrático plantado sobre as raízes da tradição, dos costumes e do modo de ser de um povo.

O primeiro documentário aborda a brincadeira do João Redondo e sua arte de fazer rir. Com o título, “a gente se ri”, possui 17 minutos de duração e mostra depoimentos dos mamulengueiros de diversas localidades do estado como: Passa e Fica, São José do Campestre, Nova Cruz, Tapará, Natal e Carnaúba dos Dantas, abrindo um canal direto com o público e expondo a face cômica do povo potiguar.

O João Redondo, também conhecido como mamulengo, babal ou calunga, é uma expressão concreta da cultura norte-riograndense que consegue em sua existência grande reconhecimento e aceitação popular. Articula em sua ação, os signos da cotidianidade para construir suas narrativas de forma simples e de fácil assimilação para o público que se reconhece na brincadeira.

A seqüência de histórias dentro da narrativa se faz a partir da cumplicidade íntima e além do palpável que existe entre o brincante e seus personagens. O resultado se transparece na visibilidade e compreensão do conjunto estético que expressa a riqueza regional, o pluralismo cultural e a valorização da identidade dos potiguares.

É por obra desse signo, o João Redondo, que convidamos o público natalense a participar do lançamento do vídeo-documental “a gente se ri” no próximo dia 8 (oito) de agosto, às 19 horas, no Teatro de Cultura Popular Chico Daniel da Fundação José Augusto. A entrada é franca.


Esse trabalho teve a nota mais alta do projetos finais do curso de Radialismo da UFRN. A idéia é excelente, principalmente no nosso contexto de pouca valorização da cultura popular. Um excelente programa para quarta-feira.

0 comentários:

top